Nota Fiscal Eletrônica e Comum

É necessário saber a diferença entre a nota fiscal eletrônica e comum, principalmente porque a área contábil é uma das áreas em que mudanças ocorrem a todo momento e como já era esperado, o físico vai dando lugar ao virtual – e com as notas fiscais não foi diferente. Atualmente ainda existe o uso da nota fiscal comum, mas gradativamente ela vem sendo substituída pela nota fiscal eletrônica.

Veja Também: saiba como funciona a Nota Fiscal Eletrônica em Fortaleza

Nota Fiscal Comum

A nota fiscal comum, é preenchida em papel, à mão, fazia parte de um bloco de notas e é composta com três ou cinco vias. As que contêm 5 vias são assim distribuídas: a primeira via é do cliente, a segunda é fixa e ficava no talão, a terceira é a enviada com a mercadoria, a quarta via é para fisco origem e a quinta fica com a contabilidade.

publicidade:

Nota Fiscal Eletrônica

Nota Fiscal Eletrônica e ComumA nota fiscal eletrônica vem inicialmente para substituir a nota fiscal modelo 1/1A, que é a que registra transações de mercadorias entre empresas. Pode ser também substituir a nota fiscal de produtor. Mas atenção: ela não substitui a nota fiscal ao consumidor e nem o cupom fiscal. Ela é preenchida no programa da Receita Estadual, que deve ser baixado em um computador de organização, através do uso do certificado digital.

Diferenças entre Nota Fiscal Eletrônica e Comum

Com relação às vantagens, a nota fiscal eletrônica traz vários benefícios, como:

  • Reduz custos de aquisição e impressão de papel. Somente será impresso o documento auxiliar da nota fiscal eletrônica – DANFE, que
  • tem a função de acompanhar o transporte de mercadorias;
  • Reduz o custo de armazenamento de documentos, assim como o espaço que a documentação física ocupa;
  • Há o incentivo ao uso de novas tecnologias e também do comércio eletrônico;
  • Melhora todo o processo de controle fiscal;
  • Ajuda diminuir a sonegação e aumenta a arrecadação de impostos, entre muitos outros.

É uma importante mudança que beneficia tanto aos fornecedores de mercadorias quanto aos compradores, contabilidade, fisco e também a sociedade, uma vez que implica principalmente, na redução do uso de papel e isso reflete diretamente no processo de sustentabilidade e preservação do meio ambiente.

Avalie este conteúdo!

Avaliação média: 0
Total de Votos: 0

Nota Fiscal Eletrônica e Comum
publicidade: